domingo, 9 de dezembro de 2007

Minass Gerais: Tremor em Itacarambi, no Norte do Estado, é um dos 15 maiores do País, indica UnB

09/12/2007 - 17h15

Brasília - Um tremor de terra estimado em 4,9 pontos na escala Richter atingiu na madrugada de hoje o município de Itacarambi, no Norte de Minas Gerais, derrubando casas e matando uma criança. O abalo, registrado pelo Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB), está entre os 15 maiores tremores brasileiros, segundo o diretor do observatório, professor Lucas Vieira Barros.

O tremor ocorreu logo depois da meia-noite de sábado, com epicentro próximo à cidade de Caraíbas, distrito de Itacarambi. Segundo Barros, a terra naquela região já vinha tremendo desde maio deste ano. Em outubro, uma equipe do observatório esteve duas vezes no local e instalou uma rede sismográfica com seis estações, que permitiram localizar os tremores.

O professor explicou que "sismos rasos", como o de Itacarambi, podem produzir vibrações dos terrenos em regiões próximas. "Como Caraíbas está pertinho de lá, as casas caíram em função disso", afirmou. Ele avalia que a queda das casas pode ter ocorrido também pela qualidade das construções, já que é uma das regiões mais pobres do Estado.

O maior tremor já registrado no Brasil, de acordo com Barros, foi de 6,2 pontos na escala Richter e ocorreu em 1955, no norte do Mato Grosso. "Mas esta (em Itacarambi) foi a primeira vez, que eu saiba, em que houve uma morte direta causada por um terremoto no Brasil", afirmou. Barros e sua equipe partiram hoje para o norte de Minas para coletar os dados registrados pelas estações e fazer uma análise mais detalhada da intensidade e profundidade do tremor.

Gerusa Marques



http://noticias.uol.com.br/ultnot/brasil/2007/12/09/ult4469u15214.jhtm

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial